Menu

 

 

text1113

Sinasempu reforça pedido para agendamento de reunião com o PGR

O Sinasempu, representado pelos Diretores Anestor da Cunha Germano e Darci Rodrigues de Almeida, se reuniu, na tarde desta segunda-feira (25/01), com o chefe de gabinete em exercício do Procurador-Geral da República, Silvio Amorim Júnior, e com o Secretário de Relações Institucionais do MPU, Peterson de Paula Pereira, para tratar sobre assuntos de interesse da categoria.

Os Diretores reforçaram o pedido para o agendamento de uma audiência do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, com os Diretores Seccionais do Sinasempu, que estarão reunidos em Brasília no período de 13 a 16 de fevereiro. Conforme ofício encaminhado ao PGR, em dezembro de 2015 (Confira aqui), o Sindicato requer a audiência para o dia 15 ou 16.

Os Diretores explicaram a importância dessa audiência com PGR durante a realização do encontro, onde serão discutidos assuntos relevantes de interesse da carreira. “A categoria está se sentido abandonada, pois não obteve até o momento nenhuma posição da Administração sobre a incorporação dos 13,23% aos seus vencimentos”, ressaltou Darci.

Os dirigentes falaram da preocupação dos servidores com a falta de um posicionamento da Administração e reforçaram que essa audiência será uma boa oportunidade para o PGR prestar esclarecimentos à categoria, por meio dos representantes estaduais, sobre questões que digam respeito aos servidores, notadamente, sobre a implementação dos 13,23% na via administrativa.

Eles lembraram que o CNMP pagou o retroativo dos 13,23% aos seus servidores e que não é justo os servidores do MPU não ter notícias sobre a implementação e pagamento do retroativo referente ao percentual. “O pagamento dos 13,23% pelo CNMP em dezembro de 2015, e o silêncio da Administração sobre a implementação para os servidores do MPU, sem que houvesse qualquer manifestação da Administração sobre a questão criou um nível de estresse muito grande nos servidores. Essa é uma oportunidade em que o PGR possa se manifestar a respeito para tranquilizar a categoria”, enfatizou o Diretor Anestor Germano.

O Substitutivo ao PL 7919/2014 foi outro tema debatido na reunião. Os Diretores do Sinasempu informaram a intenção da categoria em lutar na CFT (Comissão de Finanças e Tributação) da Câmara dos Deputados para apresentação de emenda no sentido de suprimir o Artigo 23, que trata da absorção dos 13,23%, uma vez que o percentual é um direito reconhecido pelo CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público).

O Secretário de Relações Institucionais disse que a Administração não se oporá à luta dos servidores pela supressão do Artigo 23 do Substitutivo ao PL 7919/2014 e que poderá fazer um trabalho conjunto com o Sinasempu no sentido de convencer o Governo pela aprovação do substitutivo com a supressão do Artigo.

Sobre a audiência com o PGR, Silvio e Peterson informaram que levarão o pleito ao Dr. Janot, comprometendo-se a repassar a ele a importância e necessidade dessa audiência.

O SINASEMPU SOMOS TODOS NÓS!

Última modificação emTerça, 26 Janeiro 2016 16:29

1 Comentário

  • Monica Gamero

    Interessante é que os representantes da administração não responderam mais uma vez sobre o retroativo dos 13,23% e o sindicato mais uma vez saiu sem nada ....

    postado por Monica Gamero Terça, 26 Janeiro 2016 15:08 Link do comentário

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Endereço

SAS - Setor de Autarquias Sul Quadra 05 Bloco K Edifício OK OFFICE TOWER
Salas 501 a 507
CEP: 70070-937 - Brasília-DF

Expediente

De 12h às 19h pelo horário de Brasíla
DENC
geral@sindmpu.org.br | Dep. Jurídico: 0800 717 7790 | Brasília: (61) 3224-6157